Voltar ao site

Edital de Emendas: Rigoni divulga projetos escolhidos pela população para receber R$ 12 milhões

Segunda edição do edital teve 323 projetos inscritos e somou mais de 30 mil votos

O deputado federal Felipe Rigoni divulgou nesta sexta-feira (16) a lista de 18 projetos escolhidos pela população para receber R$ 12 milhões em emendas parlamentares. Realizado pelo segundo ano, o edital teve 323 inscritos e somou mais de 30 mil votos por meio do aplicativo Tem Meu Voto, um crescimento de 47,9% em relação ao ano passado.

Nove das dez microrregiões do Espírito Santo foram contempladas pelo resultado, com destaque para a Rio Doce, a Sudoeste Serrana e a Metropolitana, com três projetos aprovados cada. Entre os municípios, Linhares teve três iniciativas escolhidas pela população. Nova Venécia e Vitória, com dois projetos cada, completam o topo do ranking.

“O eleitor quer fazer parte do mandato e não podemos nos acomodar. Nosso papel é encontrar ferramentas que viabilizem esse encontro com a democracia. O edital do ano passado foi inovador e virou uma referência nacional. Neste ano, o crescimento de 47% mostra o potencial e o engajamento da população”, pontua Rigoni.

Entre as áreas temáticas, a Assistência Social liderou com nove projetos aprovados, seguida pelas iniciativas de Saúde, com três vencedores, e Educação, com dois. As organizações da sociedade civil somaram 12 aprovações; as prefeituras, quatro. Dois projetos de iniciativa federal também obtiveram a preferência dos eleitores.

O edital

Lançado no início de junho, o edital recebeu 323 inscrições, com representantes de 39 municípios e de todas as microrregiões do Espírito Santo. Todos foram submetidos à análise de um conselho de especialistas, formado por 22 nomes de diferentes áreas temáticas, como saúde e educação. A avaliação considerou três critérios, definidos no edital: o quão estruturante é o projeto, qual o impacto gerado e a qualidade da proposta.

Puderam participar órgãos públicos e instituições do terceiro setor com atuação no Espírito Santo. Foram avaliadas iniciativas nas seguintes áreas: saúde; educação; assistência social; segurança pública; indústria, comércio e micro e pequenas empresas; agricultura, pesca e desenvolvimento agrário; saneamento básico; e ciência e tecnologia.

Conheça os projetos escolhidos pela população:

• Modernização dos currículos e das práticas educativas dos cursos técnicos e superiores, por meio da implementação de um laboratório maker no Ifes, R$ 200.000,00, Cachoeiro de Itapemirim, Ifes, Educação;

• Inclusão Digital - Caminho para potencializar o conhecimento e rever paradigmas, R$ 1.126.235,00, Castelo, Prefeitura Municipal de Castelo, Educação;

• Nascente Viva, R$ 366.945,00, Domingos Martins, Ibramar, Agricultura;

• Saúde e Saneamento Rural: Qualidade de vida e produção de alimentos, R$ 411.250,00, Linhares, Ibramar, Saneamento;

• Projeto para Renovação do Parque Tecnológico do Hifa, R$ 400.000,00, Guarapari, Hospital Materno Infantil Francisco de Assis, Saúde;

• Acolhimento e Segurança, R$ 192.719,44, Ibatiba, Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Ibatiba, Assistência Social;

• Reforma de Prédio Público destinado à sede do Creas, R$ 279.135,40, Ibiraçu, Prefeitura Municipal de Ibiraçu, Assistência Social;

• Projeto Doce Vida, R$ 173.790,00, Itapemirim, Associação dos Pecuaristas e Agricultores Familiares de Itapemirim, Economia;

• Reabilitação THERASUIT na função motora: desenvolvimento da população em situação de vulnerabilidade social, R$ 100.703,10, Jaguaré, Associação Pestalozzi de Jaguaré, Saúde;

• Cuidar faz bem, R$ 145.801,50, Linhares, Lar do Idoso Abrigo de Luz, Assistência Social;

• Viajando através da leitura, R$ 109.938,04, Linhares, Cáritas Bebedouro, Assistência Social;

• Transporte de qualidade para idosos da Sou Feliz, R$ 236.591,38, Marechal Floriano, Organização de Amparo à Idosos da Sou Feliz, Assistência Social;

• Rodas para Assistência Social, R$ 482.160,00, Nova Venécia, Fundo Municipal de Assistência Social, Assistência Social;

• Gerando Energia de Qualidade, R$ 129.900,00, Nova Venécia, Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Nova Venécia, Assistência Social;

• Construindo um “Pedacinho de Casa”, R$ 800.000,00, Santa Maria de Jetibá, Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) para Crianças e Adolescentes, Assistência Social;

• Ser Digital, R$ 145.840,00, São Mateus, Centro Cultural Araçá, Assistência Social;

• Centro de Pesquisa, Avaliação e Reabilitação para Voltar a Andar (CEPARVA), R$ 2.498.976,00, Vitória, Ufes, Ciência e Tecnologia;

• Aquisição de Equipamento PET CT para o Serviço de Medicina Nuclear da Afecc - Hospital Santa Rita de Cássia, R$ 5.600.000,00, Vitória, Associação Feminina de Educação e Combate ao Câncer - Afecc / Hospital Santa Rita de Cássia – HSRC, Saúde.

Todos os Posts
×

Quase pronto…

Acabámos de lhe enviar um email. Por favor, clique no link no email para confirmar sua subscrição!

OK